• Assessoria de Comunicação

Curitiba prorroga bandeira vermelha até 5 de abril

Curitiba prorrogou até o dia 5 de abril as medidas restritivas da Bandeira Vermelha que estão em vigor desde 13 de março. Mesmo com a melhora na taxa de replicação do vírus (RT), a cidade ainda continua em nível máximo de alerta para a covid-19.


Pelo novo decreto municipal nº 630, que começa nesta segunda-feira (29/3), as atividades não essenciais seguem suspensas, mas há algumas liberações para atendimento nas modalidades delivery e drive-thru (veja mais abaixo).


“Nesses 15 dias tivemos uma queda na taxa de transmissão do vírus, que caiu de 1,41 para 0,89, mas os internamentos seguem em alta e o sistema de saúde muito pressionado, por isso ainda não é momento para abrir mais a cidade”, disse Márcia Huçulak, secretária municipal da Saúde de Curitiba.


Outra mudança refere-se aos parques, onde ficam permitidos exclusivamente a prática de atividades individuais ao ar livre, com uso de máscaras, que não envolvam contato físico entre as pessoas, observado o distanciamento social.


O novo decreto também revoga a restrição para atividades realizadas por meio da internet, correio e televendas contida no decreto 600, com o e-commerce podendo funcionar de segunda a sábado das 9 às 19 horas. Outro ajuste diz respeito às atividades essenciais, que passa a considerar como tal as atividades de construção civil em geral.


O funcionamento de igrejas e templos religiosos de qualquer culto deverão observar a resolução 221, do Governo do Estado.


Veja como ficam as atividades.