• Assessoria de Comunicação

7 partes de alimentos que jogamos fora, mas fazem bem à saúde



Chega de jogar vitaminas e minerais no lixo! Saiba como aproveitar algumas das partes mais nutritivas dessas frutas e vegetais.


Às vezes, pelo mais puro desconhecimento, acabamos jogando fora algumas partes dos vegetais que são riquíssimas em nutrientes.


Em alguns casos, essas partes descartadas são mais nutritivas do que as partes que costumamos consumir, mas todos os benefícios vão direto para o lixo.

Folhas, talos e cascas de uma série de frutas e vegetais podem não ser muito famosos na culinária, mas, com um pouco de criatividade, eles podem ser aproveitados nas nossas refeições diárias.


Uma dica para aumentar as possibilidades de aproveitamento é congelar essas partes que seriam descartadas até obter a quantidade suficiente para fazer uma torta ou um caldo de vegetais, por exemplo.

Para aproveitar ainda mais os benefícios, dê preferência aos alimentos orgânicos, que são livres de agrotóxico. E, é claro, ao consumir alimentos com casca, os cuidados com a higienização devem ser redobrados para evitar contaminações.

Confira algumas partes de alimentos que não deveriam ser jogadas fora e saiba como aproveitá-las:


1. Folhas e talos de brócolis e couve-flor

Os vegetais crucíferos estão entre os mais saudáveis disponíveis para a nossa alimentação, por isso devemos aproveitá-los ao máximo.

Os talos e as folhas dos brócolis e da couve-flor, por exemplo, são ricos em antioxidantes, que combatem os radicais livres, e em ácido fólico, essencial para a síntese das hemácias e para o desenvolvimento do feto.

Em vez de jogar essas partes no lixo, você pode fazê-las salteadas ou adicioná-las a sopas, caldos, tortas salgadas e saladas.