• Assessoria de Comunicação

4 dicas para tornar o seu dia a dia no trabalho mais feliz

Escolha um trabalho que você ame e não terá de trabalhar um único dia de sua vida. A frase motivadora, atribuída ao pensador chinês Confúcio (551 a.C - 479 a.C.), costuma ser repetida por coaches no mundo inteiro. Hoje em dia, porém, sabemos que não é bem assim. Porque, além de nem sempre ser possível escolher o emprego ideal, chefes e funcionários estão sujeitos a fatores externos, que vão muito além da dedicação pessoal.



Ainda assim, de acordo com Lúcia Neves, gerente de recursos humanos da Adecco, que presta consultoria de RH em cerca de 70 países, os valores pessoais influenciam --e muito -- a satisfação profissional. "Não basta focar apenas na carreira. Além de buscar uma empresa com valores em que você acredita, ter um chefe que inspira e um ambiente que acolhe também são fatores importantes", destaca.


Nem tudo depende dos gestores, claro. Algumas atitudes que estão ao alcance tanto de patrões quanto de funcionários podem tornar o dia a dia na empresa mais leve --e no home office também! Veja o que você pode fazer, então, para chegar lá.


1. Pratique a empatia

Saber se colocar no lugar dos colegas é a primeira lição para ter um bom relacionamento, seja pessoal ou profissional, todo mundo sabe. Mas no mundo corporativo isso pesa mais, uma vez que ele reúne pessoas com histórias e perfis diversos.


"Mesmo na correria, até mesmo para enviar um e-mail, é preciso 'calçar o sapato' do outro para saber como ele irá receber aquela mensagem", exemplifica Neves. Isso é ainda mais importante quando se está em home office, e o contato com os colegas passa a ser online. E em tempos de polarização, isso também significa relevar as diferenças. Sejam de política, religião ou orientação sexual.


Quando uma pessoa tem uma opinião diferente da sua, vale lembrar que ela se opõe a ideia, não a você em particular. Por isso, é preciso não levar as divergências para o lado pessoal. "Do contrário, as diferenças se transformam em brigas", resume o psicólogo José Estevam Salgueiro, coordenador do curso de Psicologia Organizacional e do Trabalho da Universidade Presbiteriana Mackenzie.


2. Faça amigos, se possível

Uma pesquisa do Instituto Gallup diz que manter relações próximas com os colegas de trabalho aumenta a confiança e o crescimento do empregado. Não é preciso ser nenhum especialista para perceber, de fato, que elas tornam o ambiente mais agradável mesmo.


No entanto, é preciso tomar cuidado para não misturar a vida pessoal com a profissional. "Não dá para restringir as amizades à equipe, porque faz bem para a saúde ter outros interesses e assuntos além dos profissionais a fim de arejar a mente", recomenda Salgueiro.


Por isso, ainda que o networking seja importante, ele sugere até mesmo que o funcionário almoce ao menos uma vez por semana sem os colegas com esse propósito.


3. Saiba dar e receber feedbacks

Um estudo recente do Instituto Max Planck para Desenvolvimento Humano em parceria com o IESE Escola de Negócios de Barcelona mostrou que o tipo de feedback recebido pelos funcionários pode interferir na performance da equipe.


De acordo com a pesquisa, a melhor maneira seria fazê-lo coletivamente, e não em particular, de modo a evitar competições entre os colegas e tornar o ambiente de trabalho insustentável. Seja individual ou particular, Salgueiro reforça que o feedback tem a função de apontar tanto os pontos fortes como os pontos fracos do funcionário.


"Além disso, cabe ao gestor apresentar um plano de ação viável para que o empregado tenha como melhorar o que lhe está sendo cobrado. Apenas pedir que ele se esforce não é o suficiente", diz. Já o funcionário tem de lembrar que críticas não são sinônimo de perseguição, e sim uma oportunidade de crescimento.


4. Cuide da sua mesa

Oferecer um local de trabalho seguro, limpo e organizado é obrigação do empregador. Mas todo mundo pode fazer a sua parte para tornar o espaço mais agradável, para si e para os outros.


Uma boa dica é começar pela própria mesa de trabalho: que tal descartar papéis e objetos que não usa mais? Isso fará com que você desperdice tempo - e energia - buscando documentos, por exemplo.


Também vale decorá-la com porta-retratos, aromatizadores e plantas - as últimas, aliás, reduzem o estresse no ambiente de trabalho, de acordo com um estudo recente da Universidade de Hyogo (Japão). E isso vale para a sua mesa do home office: decorá-la fará com que ela não se pareça apenas um lugar em que você improvisou para trabalhar quando está em casa, mas sim um ambiente em que você pode ser criativo, produtivo e feliz.


Fonte: Viva Bem

1 visualização
Acesso Rápido

E-mail: gabinetenoemiarocha@gmail.com
Contato: 41 9994-15007

Endereço: Barão do Rio Branco, 720. 4º andar.

         Acompanhe nosso mandato

© 2019 by Ascom Noemia Rocha.    Políticas de Privacidade